As projeções do 45 Minutos, da Globo, da ESPN e do Lance! sobre os 20 clubes do Brasileirão de 2018

O Campeonato Brasileiro de 2018 será a 13ª edição com o mesmo formato, com pontos corridos e vinte participantes. E o futebol nordestino terá a sua maior representatividade neste recorte, com quatro clubes, distribuídos em suas três maiores metrópoles. De Salvador, Bahia e Vitória; do Recife, o Sport; de Fortaleza, o Ceará. Sobre o início da competição, fica a expectativa sobre o desempenho de cada um ao longo de 38 jogos. O Palmeiras é mesmo o maior favorito? Em 2017 o Corinthians desbancou o otimismo exagerado sobre o alviverde. Em relação às vagas internacionais, são seis na Libertadores (1º/6º) e seis na Sul-Americana (7º/12º) – com a ordem das colocações mudando em caso de presença dos campeões da Copa do Brasil e das próprias copas da Conmebol.

Obviamente, a briga contra o rebaixamento também é tema recorrente no debate. E trata-se de uma pauta tradicional nos guias anuais país afora, com veículos nacionais avaliando as chances de todos os clubes, com critérios bem distintos. Trouxe aqui listas, a do portal globoesporte, a do canal ESPN e a do jornal Lance!. Por fim, a do próprio podcast. Com o péssimo início de ano, considerando a montagem do time, o desempenho técnico e o suporte financeiro, o Sport aparece com enorme risco de queda em todas as avaliações dos jornalistas. Em apenas uma projeção o time se salvaria, ainda assim por um triz. Por mais que os pitacos sejam feitos a partir dos momentos (e possibilidades técnicas) de cada clube, vale pela resenha e pelo ‘print’.

Confira as listas e comente se concordou com alguma. Aproveite e faça a sua nos comentários…

Globoesporte.com
O portal manteve o critério adotado em 2016 e 2017, mas com pesos diferentes. A avaliação produzida pela equipe do GE conta com seis categorias: elenco (peso 3), momento (2), fator casa (2), foco (1), finanças (1) e retrospecto (1). Cada tópico recebe de 1 a 5 estrelas, com pontuação máxima de 55. O leão piorou a expectativa em relação ano passado. Oito pontos e quatro colocações a menos. Dos quatro nordestinos, dois cairiam.

1º) Palmeiras 51
2º) Corinthians 48
3º) Grêmio 44
4º) Cruzeiro 38
4º) Flamengo 38
4º) Santos 38
7º) Atlético-MG 37
8º) São Paulo 36
9º) Internacional 34
10º) Vasco 33
11º) Botafogo 31
12º) Atlético-PR 29
13º) Chapecoense 28
13º) Fluminense 28
15º) Bahia 26
16º) Ceará 24
17º) Sport 21
18º) Vitória 20
19º) Paraná 19
20º) América-MG 17

ESPN Brasil
No programa Bate-Bola, na véspera da abertura da competição, os cinco jornalistas presentes na mesa redonda discutiram sobre as colocações, com votação posição por posição, indo do 20º ao 1º. Nesta lista, mais informal, o Sport escaparia por um triz. No Z4, o lugar seria ocupado pelo Ceará.

1º) Cruzeiro
2º) Grêmio
3º) Palmeiras
4º) Corinthians
5º) Flamengo
6º) Santos
7º) São Paulo
8º) Atlético-MG
9º) Atlético-PR
10º) Internacional
11º) Vasco
12º) Botafogo
13º) Bahia
14º) Fluminense
15º) Chapecoense
16º) Sport
17º) Vitória
18º) Ceará
19º) América-MG
20º) Paraná

Lance!
Esta avaliação foi mais voltada para a disputa pelo título e pelas vagas na Libertadores, além da briga contra o rebaixamento. E o Sport acabou votado por 55% jornalistas presentes nas redações do jornal, em São Paulo e no Rio de Janeiro. Assim, figura no Z4, agora acompanhado do Ceará, mantendo a previsão de dois nordestinos rebaixados em 2018 (será mesmo?)

1º) Palmeiras
2º) Cruzeiro
3º) Corinthians
4º) Flamengo
5º) Grêmio
6º) Santos

Entre o 7º e o 16º (ordem alfabética): Atlético-MG, Atlético-PR, Bahia, Botafogo, Chapecoense, Fluminense, Internacional, São Paulo, Vasco e Vitória

17º) Sport
18º) Ceará
19º) América-MG
20º) Paraná

45 minutos
O podcast também fez a sua lista, mas sem detalhar a colocação exata de cada times. A abordagem foi sobre a formação de blocos de disputa, semelhante à projeção do Lance!. No nosso audioguia, existem três, com o primeiro naturalmente voltado para a disputa pelo título e pelo G6, com as vagas da Libertadores. Em seguida, uma enxuta xona intermediária e um enorme briga contra o rebaixamento. Eis as divisões, sempre por ordem alfabética. Entre os maiores candidatos ao descenso, Paraná, América, Ceará e Sport -assim, o rubro-negro pernambucano aparece em três das quatro zonas de rebaixamento nesta compilação.

Título e/ou vaga na Libertadores: Atlético-MG, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Grêmio, Palmeiras, Santos e São Paulo

Limbo (sem Liberta e sem risco de queda): Internacional e Atlético-PR

Z10 (meta inicial: 45 pontos): América-MG, Bahia, Botafogo, Ceará, Chapecoense, Fluminense, Paraná, Sport, Vasco e Vitória